Análise da clareza metodológica como dimensão de qualidade do Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde

Autores

  • Jeane Grande Arruda de Miranda Coelho Prefeitura do Recife, Secretaria de Saúde, Secretaria Executiva de Gestão do Trabalho e Educação na Saúde https://orcid.org/0000-0002-4678-1071
  • Kátia Rejane de Medeiros Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Instituto Aggeu Magalhães (IAM) https://orcid.org/0000-0002-7518-4137
  • Marciana Feliciano Prefeitura do Recife, Secretaria de Saúde, Secretaria Executiva de Vigilância à Saúde https://orcid.org/0000-0002-0845-2461
  • Simara Lopes Cruz Damázio Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Centro Acadêmico de Vitória (CAV)
  • Carlos Renato dos Santos Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Centro Acadêmico de Vitória (CAV) https://orcid.org/0000-0001-8367-7006

Palavras-chave:

Sistema de informação em saúde, Análise de dados, Pessoal de saúde, Censos

Resumo

Este artigo analisa a dimensão de qualidade clareza metodológica do Cadastro Nacional de
Estabelecimentos de Saúde (CNES), considerando a abordagem das formas de contratação inseridas no
sistema. Trata-se de uma pesquisa documental com abordagem qualitativa, que analisou o CNES e seus
documentos. Foram selecionados os documentos que contemplaram os descritores: tabela de vínculos
de profissionais e/ou formas de contratação. A partir do conceito adotado para a dimensão de qualidade
clareza metodológica, foram delineadas as categorias acessibilidade, conteúdo, variáveis, linguagem e
usabilidade. No período de 2005 a 2020, foram publicados 17 documentos. Desses, três documentos se sobressaíram: o Leia-me da versão, a Tabela de Domínios e o Manual de preenchimento do CNES. O
site do CNES passava por uma reestruturação, e nem todas as funcionalidades estavam devidamente
implementadas. O site atual apresentou uma interface mais moderna e de fácil compreensão. A mudança da variável esfera administrativa para natureza jurídica, em 2015, pode dificultar a análise em série histórica. Evidencia-se que o CNES carece de melhor atenção quanto à clareza metodológica, considerando a abordagem das formas de contratação dos profissionais de saúde, inseridas no sistema.

Biografia do Autor

Marciana Feliciano, Prefeitura do Recife, Secretaria de Saúde, Secretaria Executiva de Vigilância à Saúde

 

 

Simara Lopes Cruz Damázio, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Centro Acadêmico de Vitória (CAV)

 

 

Publicado

2024-04-03

Como Citar

1.
COELHO J, Rejane de Medeiros K, Feliciano M, Lopes Cruz Damázio S, Renato dos Santos C. Análise da clareza metodológica como dimensão de qualidade do Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde. Saúde debate [Internet]. 3º de abril de 2024 [citado 21º de junho de 2024];48(140):e8383. Disponível em: https://revista.saudeemdebate.org.br/sed/article/view/8383

Edição

Seção

Artigo Original