Interdisciplinaridade nas práticas de cuidado em saúde mental: uma revisão integrativa de literatura

Autores

Palavras-chave:

Práticas interdisciplinares. Saúde mental. Saúde coletiva. Equipe de assistência ao paciente.

Resumo

Estudo de abordagem qualitativa, do tipo revisão integrativa de literatura, com o objetivo de compilar e analisar a produção teórica a respeito da expressão da interdisciplinaridade nas práticas de cuidado em  saúde mental. A coleta se deu entre os meses de maio e agosto de 2021, nas bases BVS, SciELO, Scopus,  Google Acadêmico, OpenGrey e ProQuest, nas línguas portuguesa, inglesa, espanhola, francesa ou italiana.  Com o uso da estratégia Spider, foram definidos:  cenário, assunto de interesse, desenho, avaliação e  tipo de pesquisa, permitindo apresentar o perfil  bibliográfico dos registros; caracterizar as práticas e analisar as características da interdisciplinaridade no  trabalho em saúde mental. As 43 produções que compuseram o corpus do estudo foram examinadas  de maneira descritiva e por técnica de análise de conteúdo do tipo temática, discutidas à luz do  referencial teórico da saúde coletiva. Identificaram-se quatro unidades temáticas: ‘conceito’,  ‘operacionalidade’, ‘objetivo’ e ‘atributos’. Concluiu-se que existe esvaziamento teórico a respeito daquilo que caracteriza a interdisciplinaridade no cenário do  trabalho em saúde mental; que a interdisciplinaridade representa oportunidade para superação do modelo  biomédico de cuidado; e que existem limites e  possibilidades para sua realização. Considera-se que  trabalho em equipe, apoio matricial e educação  permanente favorecem a atitude interdisciplinar.

Publicado

2023-06-01

Como Citar

1.
Giacomini E, Rizzotto MLF. Interdisciplinaridade nas práticas de cuidado em saúde mental: uma revisão integrativa de literatura. Saúde debate [Internet]. 1º de junho de 2023 [citado 29º de novembro de 2023];46(especial 6 dez):261-80. Disponível em: https://revista.saudeemdebate.org.br/sed/article/view/6933