[1]
M. C. Ramos e E. N. da Silva, “Como usar a abordagem da Política Informada por Evidência na saúde pública?”, Saúde debate, vol. 42, nº 116, p. 296-306, mar. 2018.